Meus favoritos ( 0 )
O Studienkolleg na Alemanha
Estudo & Carreira

O Studienkolleg na Alemanha

Celso Celso Fernandes
23 de maio de 2012
4

Studienkollegs são instituições de ensino estaduais que existem em todas as províncias da Alemanha  (com a exceção de Bremen e  NRW).  O objetivo do Studienkolleg é preparar  candidatos, com diploma de segundo-grau estrangeiro não reconhecido como equivalente ao Abitur alemão, para um estudo científico em uma universidade alemã.

Em geral, os alunos frequentam o Studienkolleg na mesma cidade em que desejam estudar posteriormente e não costumam ser cobrados por isso. O único custo que poderá ser cobrado são custos administrativos do Studentenwerk que cobrem despesas de passe de ônibus, manutenção da cantina, etc. A necessidade ou não de um estudante ter que frequentar o Studienkolleg é decidida pela própria universidade na Alemanha, após análise prévia dos documentos enviados pelo candidato.

A duração do Studienkolleg é de dois semestres e foca  principalmente na natureza do curso que o candidato irá frequentar depois. De forma que existe  normalmente 4 ou 5 tipos de cursos oferecidos:  Tipo G para cursos de artes liberais, Tipo  W para economia e negócios, Tipo M para estudos de medicina, Tipo  T para os estudos técnicos e tipo S para cursos de humanas.  Toda as aulas são dadas em Alemão e Alemão é também matéria obrigatório em todos os tipode de curso. Além do mais são esinadas técnicas de interpretação e edição de Textos na intenção de apresentar o candidato a técnicas de escrita e análise que poderão ser úteis durante o estudo superior.

Para iniciar o Studienkolleg na Alemanha  é preciso ter nível B1 + B2  de Alemão e para o Studienkolleg tipo T, é recomendável aptidão para física e matemática. No fim do Studienkolleg, o estudante deverá passar por uma série de avaliações e precisará  provar que possui conhecimento necessário na área em que deseja ingressar. Além disso o estudante deverá demonstrar nível C1 de eficiência em Alemão. Muitas universidades na Alemanha possuem cotas para estudantes estrangeiros (fora da UE), sendo que candidatos de países da União Européia são equivalentes aos alemães.

O vestibular do Brasil costuma ser aceito como equivalente ao Studienkolleg, portanto candidatos brasileiros que já tenham cursado pelo menos um período em uma universidade brasileira ou já tenham concluído um curso superior estão dispensados do Studienkolleg.

Como tirar o seu nome da Schufa na Alemanha
Flinkster - Carsharing na Alemanha
Celso Fernandes
Celso Fernandes
Autor
Engenheiro, empreendedor e programador de fim de semana.  Natural de Petrópolis, RJ. Trinta e poucos anos de idade e há dez anos vivendo na Alemanha. Escreveu o primeiro post no Batatolandia em 2008 e desde então não parou mais.

Comentários

Cadastro