Meus favoritos ( 0 )

Publicidade

Banho nas Crianças: hábitos de higiene na Alemanha
Pais & Filhos

Banho nas Crianças: hábitos de higiene na Alemanha

Larissa Larissa da Costa
28 de junho de 2017
0

Motivo de muitas brigas e discussões entre casais teuto-brasileiros é o banho dos filhos, principalmente em bebes e crianças pequenas. Isso porque os alemães são da opinião que os pequenos não precisam banhar-se todos os dias, pois não cheiram a suor.

No nosso entendimento tupiniquim, banho não serve somente para tirar o odor, também nos banhamos para nos refrescar e relaxar. Para nós, falta dessa higiene dá "cascão", doença de pele, para os alemães é ao contrário, acreditam que o banho diário pode causar irritação na pele e dermatites.

Tal crença alemã é motivada em parte pela característica da água daqui, muito calcária, deixando a pele seca e esbranquiçada. Portanto, criança alemã (e não somente crianças, diga-se de passagem), não toma banho todos os dias, é comum eles serem banhados uma vez por semana, o famoso "banho do sábado". Nos outros dias da semana eles se contentam com o "banho de gato", aquele paninho úmido nas axilas e nas partes íntimas e pronto. Sim, para nós um hábito nojento e imaginável.

Como resolver o impasse com o cônjuge germânico? A minha solução foi a seguinte: novamente o equilíbrio: no inverno, banho dia sim dia não, a não ser que a criança tenha suado muito ou que o bebe tenha se borrado daquele jeito que não dá para ignorar.

E no verão? Ahhh... no verão não tem jeito, é comprar briga e mandar para o chuveiro todos os dias. Para nós é impensável, depois de um dia inteiro brincando na rua, na areia, suado, passar um paninho e ir para a cama. Aí a nossa cultura indígena fala mais alto e o banho é imprescindível.

Guia de maratonas na Alemanha
Como escolher produtos para gestantes na Alemanha
Larissa da Costa
Larissa da Costa
Autor
Vim para a Alemanha em 2002 aventurar-me em terras desconhecidas e a maior delas tornou-se a maternidade, quando, em 2010 virei mãe de um menino e em 2013 de uma menina. Mantenho um blog próprio chamado brasanha.de aonde narro minhas experiências aqui na Alemanha.

Comentários

Cadastro