Meus favoritos ( 0 )
Os 8 melhores vilarejos alemães para conhecer no inverno
Destinos

Os 8 melhores vilarejos alemães para conhecer no inverno

Batatolandia Batatolandia Admin
20 de outubro de 2019
0

Imagem: pixabay

O outono chegou e não vai demorar muito para os dias ficarem mais curtos e o frio do inverno começar a bater na porta. O inverno pode até ser a pior época para visitar a Alemanha, mas neste post nós apresentaremos 10 lugares que irão salvar a sua viagem. Preparados? Então abra o baú e pegue aquele casaco com cheiro de naftalina, pois aí vamos rumo aos 10 melhores vilarejos para conhecer durante o inverno!

Cochem

Cochem, Alemanha

Este pequeno vilarejo já foi mencionado aqui no site antes, pois é um lugar realmente especial! Reza a lenda, que os Celtas estiverem na região quando exploraram o Rio Mosela há cerca de 2 mil anos. Além de possuir um dos castelos mais bonitos da Alemanha, o local está repleto de outros edifícios antigos aninhados entre as montanhas e as margens do rio.  As colinas íngremes à beira da água formam excelentes terraços para o cultivo da uva usada na produção de um dos Rieslings mais saborosos da região. 

Füssen

Füssen também já foi mencionada aqui no site em um episódio do Overnight Alemanha. A 1.200 metros acima do nível do mar, os artesãos de Füssen tem se ocupado com a produção de violinos e outros instrumentos de cordas há séculos. Se você curte vilarejos estilo conto de fadas cercados por castelos, então Füssen é para você. Confira o Museu do patrimônio de Füssen ou saia pela floresta para fazer uma caminhada. A cidade fica a apenas um quilômetro da fronteira austríaca, portanto é possível dar um pulo lá de manhã e ainda retornar à Alemanha na hora do almoço.

Görlitz

Görlitz, Alemanha

A cidade mais oriental da Alemanha, literalmente do outro lado do rio da Polônia, é uma das mais bonitas e, historicamente, uma das mais ricas. O fluxo de capital resultou em muitos edifícios de qualidade, e exemplos fantásticos da arquitetura renascentista, barroca, gótica tardia e Art Nouveau permanecem, tornando a cidade um local procurado por filmes (partes de The Reader, The Grand Budapest Hotel e Inglorious Bastards foram filmadas aqui) . Ao longo do último milênio, Görlitz foi polonês, húngaro, tcheco e alemão - a herança tão diversa, combinada com sua arquitetura e a atmosfera nostálgica, fazem com que a cidade mereça uma visita.

Dinkelsbühl

Oberstaufen, Alemanha

Situada a 175 quilômetros a noroeste de Munique, está o vilarejo medieval de Dinkelsbühl. Construída no século 8, a cidade escapou das bombas da Segunda Guerra Mundial e permanece em perfeitas condições de vilarejo de conto de fadas. Admire todos os edifícios medievais do ponto de vista das muralhas originais da cidade ou passeie pelas ruas sinuosas de paralelepípedos.

Quendlinburg

Quendlinburg, Alemanha


No requisito de “vilarejos fofos”, não há muito na Alemanha que supere Quedlinburg. Equidistantes entre Hannover e Leipzig, as casas em enxaimel caíram com o tempo - 1.200 anos - mas não perderam um pingo de charme. Os moradores também não foram economizaram na tinta e nem nos vasos de flores.  O resultado é um local ideal para dar aquela valorizada no seu Instagram ou quem sabe para um fim de semana romântico.


Schneeberg

O nome já diz tudo! Bem na parte mais oriental da Alemanha, ficam as Montanhas Ore, a fonte de muitos dos enfeites de Natal de madeira esculpidos à mão que você vê nos mercados alemães de Natal. A fronteira entre a Alemanha e a República Tcheca corta pelas montanhas e bem ao lado está uma vila nevada e sonolenta que vale muito a pena conhecer. Se você se perder durante a jornada, busque pelas torres da Igreja de St. Wolfgang que podem ser vistas  quilômetros antes de você chegar à cidade.

Badenweiler

A 10 km de Basileia e a 30 km de Freiburg, no extremo oeste da Floresta Negra fica a cidade termal de Badenweiler. Apenas 600 pessoas moram aqui permanentemente, com o resto dos residentes conectados de alguma forma aos vários resorts de wellness da região. Hoje em dia, a maioria das pessoas vem para um bom fim de semana de massagens e relaxamento nas águas termais.

Oberstaufen

Oberstaufen, Alemanha

Localizado bem no meio de um paraíso para esquiadores, Oberstaufen é frequentemente esquecido pelos visitantes que pretendem chegar rapidamente às pistas. A cidade foi a primeira na Alemanha a ser mapeada pelo Google Street View. Como na maioria das pequenas cidades montanhosas, Oberstaufen está ancorada por sua igreja, Pfarrkirche St. Peter und Paul, com os prédios remanescentes caídos no vale. Nos arredores da cidade, você encontrará o Ureibe - uma das árvores mais antigas da Alemanha.


Guia insano de seguro de saúde na Alemanha
6 castelos para se hospedar na Alemanha
Batatolandia Admin
Batatolandia Admin
Autor
Este site começou em uma manhã ensolarada, lá em 2008, com o intuito de compartilhar experiências com outras pessoas que talvez, estivessem passando pelo mesmo labirinto de adaptação, característico a tamanha mudança cultural.

Comentários

Cadastro